O que são indicadores de Cultura e por que eles são importantes?

As quatro dimensões propostas pelo material são:
1. Ambiente e resiliência: primordialmente voltado para iniciativas realizadas no ambiente urbano;
2. Prosperidade e recursos: com foco em economia inclusiva;
3. Conhecimento e competências: desenvolvimento educacional de forma multidimensional;
4. Inclusão e participação: democracia e cooperação.

Ler Mais »

Mas por que investir em diversidade?

Além de fortalecer a confiança dos investidores, das organizações e das pessoas e melhorar a reputação da empresa, investir em diversidade também colabora com o aumento dos lucros.

Ler Mais »

E onde entra a diversidade no ESG?

Embora muita gente compreenda a diversidade e inclusão apenas com o fator social das empresas, ela vai muito além e atua nas articulações e no trabalho em rede de forma transversal.

Ler Mais »

Mas o que é ESG?

O ESG (abreviação para Environmental, Social and Governance, em inglês) ou ASG (Ambiental, Social e Governança, em português), é uma ferramenta criada pelo mercado financeiro para avaliar o impacto das ações empregadas pelas empresas para atuarem de forma sustentável, contribuindo com as comunidades nas quais estão inseridas, preservando o meio ambiente e praticando uma gestão transparente. 

Ler Mais »

O que é a Agenda 2030 da ONU?

Trata-se de plano das Nações Unidas que estipulou metas a serem atingidas até o ano de 2030 visando o desenvolvimento de um mundo mais sustentável para todos.

Ler Mais »

Por que as empresas devem investir em ESG?

Dar a lucratividade, De maneira geral, para garantir a confiança do investidor e dos demais stakeholders (todos os agentes da sociedade), aumentfortalecer a reputação da marca e assegurar um valor de longo prazo para o negócio, como aponta pesquisa feita pela Ágora Investimentos.

Ler Mais »

Como a Cultura pode ajudar as empresas a atingir as metas 2030 da ONU?

A Cultura, e todos os seus agentes (artistas, criadores, profissionais, organizações, dentre outros), consegue, de forma criativa e colaborativa, promover o bem-estar das comunidades, garantir o acesso à informação, à tomada de consciência e à possibilidade de imaginar futuros possíveis. Isso porque está centrada nas pessoas, na preservação de bens materiais e imateriais e na prosperidade do planeta. 

Ler Mais »
× Oie! Estamos online
Skip to content